segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Chris Claremont conheceu o SBROING

Chris Claremont conheceu e brincou com o SBROING


Chris Claremont é um nome bem conhecido do universo da Marvel e dos X-Men. Na sua passagem por Algés, pela edição deste ano da Comic Con, ficou fortemente sublinhado este número: 16 anos (1976-1991), o tempo que esteve a escrever histórias dos X-Men e onde a criação de personagens femininas também se tornou numa das suas imagens de marca.

Mas quem era o Chris Claremont antes dos X-Men? "Era um "go-for". "Go for" coffee, "go for" newspapers, "go for" doing this, "go for" doing that. Agora chamam-lhe estagiários mas eu comecei assim, como "go-for"", disse na Comic Com, pondo toda a audiência a rir. "Mais tarde, ganhei coragem e mostrei-lhes as minhas ideias. Recebi como resposta que eram boas mas que não havia dinheiro para me pagar. Quando eu disse que o fazia só para experimentar obtive como resposta: Estás contratado", recorda Claremont, para explicar como começou no mundo da banda desenhada onde fez vida.

Em 1991 Claremont deixou a Marvel devido a um conflito criativo com os editores. As personagens Magneto e Rachel Summers estavam no centro dessa divergência.

Recordamos-te que "X-Men: Fénix Negra" estreia nos cinemas em fevereiro de 2019.

Agora que a Disney adquiriu a Fox, Claremont também afirmou que seria boa ideia os Marvel Studios reinventarem-se. E deixa também a crítica ao facto de Marvel Studios e Marvel Comics nem parecem a mesma empresa: "Mal se falam", rematou.

Sem comentários:

Publicar um comentário